Notícias

Lojas começam a baixar preços de linha branca

5 de dezembro de 2011 Notícias Comente

reducao-ipi

Anunciado na quinta (1/11) pelo Ministério da Fazenda, pacote de incentivos ao consumo desonera tributação sobre geladeiras, fogões, máquinas de lavar e tanquinhos, barateando os produtos

O Governo diminuiu o imposto cobrado sobre geladeiras, fogões, máquinas de lavar e tanquinhos entre dezembro e março para baratear os preços e assim elevar vendas e estimular a produção. Qual vai ser a queda real dos preços e o impacto total para a indústria, no entanto, ainda é algo incerto.

O POVO foi conferir ontem o movimento de vendas dos eletrodomésticos de linha branca, no Centro de Fortaleza, e constatou que algumas lojas já começaram a mudar as etiquetas de preços, anunciando descontos de 5% a 10%. As que ainda mantinham valores anteriores ao anúncio do Governo garantem repassar o quanto antes as reduções.

O pacote de medidas de incentivo ao consumo, anunciado pelo Ministério da Fazenda na quinta-feira, 2, estabelece, entre outros pontos, a redução imediata do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para a linha branca (geladeiras, fogões e lavadoras).

Entre os produtos que tiveram a taxa reduzida estão o fogão, cuja alíquota do IPI foi zerada. Antes, era 4%. No caso da geladeira, a redução do IPI foi de 15% para 5%, e a máquina de lavar teve o IPI reduzido de 20% para 10%. Os eletrodomésticos em estoque também entraram na lista de redução do imposto.

Repasse gradual
O POVO foi à quatro grande lojas de varejo do Centro e, em duas delas, os vendedores já trocavam as etiquetas. Na Laser Eletro, o gerente Márcio Gomes anunciou redução de, no mínimo, 5% no preço de 150 itens de eletrodoméstico. “As vendas vão aumentar com certeza”, assegurou o gerente.

A loja Insinuante também já tinha alguns produtos com valor reduzido, como o refrigerador Esmaltec que antes custava R$ 799 e agora é vendido a R$ 699. “Vamos trocar as etiquetas aos poucos, mas no início da próxima semana deve estar tudo pronto”, garante o gerente Danilo Vieira. Ele falou de descontos de 5% a 10%, “dependendo do modelo”.

Nas Casas Bahia, a dona-de-casa Maria Rita da Silva, 50, reclamava que os preços ainda não estavam baixos. “Estou atrás de uma geladeira, mas vou esperar eles baixarem”, resolveu. Em nota, a Globex, holding que abriga as marcas Casas Bahia e Pontofrio, informou que “irá repassar imediatamente e de forma integral a redução do IPI dos produtos de linha branca comercializados”.

Nas lojas Rabelo, os preços ainda continuavam os mesmos, mas o vendedor Gustavo Queiroz garantiu que os valores serão modificados no fim de semana. “Já teve bastante cliente por aqui perguntando se os preços já haviam sido reduzidos”, conta, na expectativa que o movimento seja maior que o normal com o pacote de incentivos do Governo.

Por quê

ENTENDA A NOTÍCIA

Com o pacote de medidas anunciadas na última quinta-feira,o Governo vai deixar de arrecadar R$ 2,6 bilhões ao ano. O esforço é para evitar que a crise internacional contamine a economia brasileira.

Números

10%
de desconto nos preços de itens da linha branca devem ficar de 5% a 10% mais baratos.

699
reais é o novo valor de refrigerador Esmaltec vendido pela Insinuante. Era R$
799.

5%
de alíquota é o novo IPI que incide sobre geladeiras até março de 2102. Era de 15%.

Luar Maria Brandão
luar@opovo.com.br

Tags:,

Deixe um Comentário